XVIII ERIAC
19 a 23 de Maio de 2019
Foz do Iguaçu | PR | Brasil

Comitê Técnico

Presidente:
José Henrique Machado Fernandes
Brasil

Co-Presidente do Comitê Técnico do XVIII ERIAC e Presidente do Comitê Técnico de RIAC:
Anastasio Sebastián Arce
Paraguay


Este Comitê é constituído por Membros Regulares e Observadores dos Comitês de Estudo Internacionais do Cigré e profissionais de destaque vinculados ao Cigré

Local Membros
Argentina Alejandro Cannatella; Maria Beatriz Barbieri.
Brasil Marta Lacorte; Marco Rodrigues; Angélica da Costa Oliveira da Rocha; João Mello; Marcelo Araújo.
Chile Gabriel Olguin Parada.
Espanha Patrícia Grego; Javier Iglesias; Roberto Gonzalez; Miguel Angel Sanchez.
México Heitor Sarmiento Uruchurtu; Juan Manuel Máximo Leon.
Portugal Manuela Fonseca; António Jácomo Ramos.

Temas Preferenciais

Comitê A1
Máquinas Elétricas Rotativas

Comitê A1 - Máquinas Elétricas Rotativas

  1. 1. Motores de alto rendimento.
  2. 2. Novas tecnologias para mitigação de impacto ambiental.
  3. 3. Vida útil ou envelhecimento dos equipamentos: fadiga, cavitação, vibração e isolação elétrica.
  4. 4. Estudo das perturbações no sistema de transmissão que afetam os equipamentos de geração.
  5. 5. Monitoramento do estado dos equipamentos de geração: descargas parciais, vibrações, isolação elétrica.
  6. 6. Indicadores de sustentabilidade para a geração e transmissão de energia elétrica.
  7. 7. Novas tecnologias aplicadas a projetos e manutenção de máquinas elétricas rotativas.
  8. 8. Estudo de novos modelos de turbinas para casos gerais de reforma.
  9. 9. Perdas de estabilidade por injeção de potência.
  10. 10. Ensaios de curto-circuito e precisão de leitura de temperaturas.
  11. 11. Redução de custos de obras civis em função da redução dos rotores Kaplan.
  12. 12. Confiabilidade e vida útil dos subsistemas da central (motor de impulso, gerador, sistema de controle, etc.).
  13. 13. Impacto do modo de operação no envelhecimento das unidades geradoras e manutenção das mesmas.

Comitê A3
Equipamentos de alta tensão

Comitê A3 - Equipamentos de alta tensão

  1. 1. Requisitos para equipamentos em redes em evolução.
  2. 2. Incorporação de inteligência em equipamentos de alta tensão (sistema de sincronismo para manobras controladas e monitoramento/diagnóstico de equipamentos).
  3. 3. Avaliação do envelhecimento de equipamentos e gerenciamento da vida útil remanescente.
  4. 4. Métodos mitigadores para superação de equipamentos de alta tensão.
  5. 5. Aplicação de transformadores de medição óticos e eletrônicos.
  6. 6. Análise de falhas em transformadores de instrumentos.

Comitê A2
Transformadores

Comitê A2 - Transformadores

  1. 1. Sistema de monitoramento: casos de sucesso de sistemas de monitoramento e análise de falhas.
  2. 2. Práticas inovadoras de manutenção que reduzem o tempo de desligamento.
  3. 3. Novos marcadores químicos de envelhecimento de celulose em equipamentos elétricos. Técnicas preditivas aplicadas a óleo vegetal.
  4. 4. Critérios de análise de medições de resposta em frequência, modelagem de alta frequência para transformadores de potência e reatores de derivação, incluindo comparação com medições. Análise de transitórios que reduzam a vida útil do transformador/ reator.
  5. 5. Experiência com montagem de transformadores na subestação (desmontagem / montagem, teste de comissionamento etc.).
  6. 6. Análise de falhas e investigação post mortem.
  7. 7. Experiência do usuário em extensão de vida útil e modelos econômicos de avaliação do investimento.

Comitê B1
Cabos Isolados

Comitê B1 - Cabos Isolados

  1. 1. Sistemas de aterramento e limitadores de sobretensão (análises de sobretensões, projetos, ensaio, operação e monitoramento).
  2. 2. Comportamento de cabos na presença de fogo.
  3. 3. Experiências em manutenção de cabos subterrâneos de Alta e Média tensão.
  4. 4. Ensaios e diagnósticos de cabos subterrâneos de Alta e Média tensão.

Foz do Iguaçu Destino do Mundo

Promoção

Realização

Patrocínios

Contato

Email: xviiieriac@itaipu.gov.br

Assinar newsletter: